Press "Enter" to skip to content

Critica: Punho de Ferro

Punho de Ferro a quarta série da Marvel feita pela Netflix chegou nesse último fim de semana (17/03) onde conta a história de Danny Rand ( Finn Jones) que após ter sido considerado como morto a 15 anos em um acidente de avião, volta para casa com o objetivo de restaurar o seu nome, vivendo durante 15 anos com Monges na cidade mística de K’un-Lun Danny se tornou o Punho de ferro. Mas chegando em Nova York Danny percebe que não será tão fácil assim. Além de ir contra os novos donos das empresas Rand, Joy (Jessica Stroup) e Ward (Tom Pelphrey) Meachum, Danny terá que enfrentar The Hand ( tentáculo) um inimigo jurado do Punho de Ferro com a ajuda de Colleen Wing ( Jessica Henwick).

A série segue os mesmos detalhes das outras três séries com um tom mais realista, e com mais sangue que os filmes da Marvel permitem, e esse é o grande problema dessa série, Punho de Ferro nas hqs enfrenta inimigos místicos e coisas sobrenaturais a série se contém em boa parte dela e ela apenas melhora em momentos em que chuta o balde.

As atuações estão muito boas, mas o roteiro fraco te faz duvidar de que lado os personagens estão, suas motivações são jogadas tornando a série mais infantil do que parece. As lutas são boas, mas deixa a desejar comparadas as do Demolidor, o que é estranho, afinal Punho de Ferro é um dos maiores lutadores do universo Marvel.

De todas as quatro séries Punho de Ferro é a que mostra ter mais referências ao universo Marvel na Netflix, o Tentáculo se tornou mais presente do que quando foi apresentado na série do Demolidor, os ploot twists da história deixa a série mais cativante e ela segue seu ritmo meio lento até o episódio 8 onde a coisa engrena de vez

Mesmo a sendo a série sendo muito criticada Punho de Ferro não é tão ruim como dizem, os ganchos para as próximas temporadas (se tiver uma) são muito boas, a série tem essa sensação de “Na próxima temporada será melhor”. Punho de Ferro é a prova de que Netflix as vezes tem que sai da casinha mais um pouco além da sensação de coito interrompido a série é uma boa introdução ao personagem, mas não a sua mitologia

Recomendo? Se você quer assistir os Defensores essa série é essencial além de te divertir em certos momentos

Nota: 6.5

Comments are closed.